Ponta Grossa: Ecoturismo Paranaense – roteiro de 2 dias

A cidade de Ponta Grossa fica à 114 km de Curitiba no estado do Paraná e quando estávamos planejando nossa viagem para Curitiba decidimos conhecer também Ponta Grossa e nesse post você entenderá o porquê.

Acompanhe nossas viagens em tempo real através do nosso Instagram: @viajecasal

A cidade é pequena, mas existem muitas cachoeiras, trilhas, furnas e um ecoturismo variado e bem estruturado.

Uma pena ter separado apenas 2 dias, precisávamos de mais dias para conseguir conhecer tudo que gostaríamos .

Saiba mais sobre nosso roteiro de 2 dias em Curitiba.

HOSPEDAGEM

Ficamos hospedados no Hotel Planalto, no centro da cidade.

O hotel é bem confortável, atendimento nota 10, muito bem localizado e o café da manhã super completo. Não deixe de experimentar o café cremoso de lá. Muitoooo bom!

hotel planalto ponta grossa - Copia
Hotel Planalto. Foto: www.hotelplanalto.com.br
suite hotel planalto ponta grossa - Copia
Suíte que ficamos. Hotel Planalto. Foto: www.hotelplanalto.com.br

DIA 1

Alugamos um carro na Localiza (já tínhamos reservado 1 semana antes pelo site) e retiramos no aeroporto de Curitiba.

De lá seguimos viagem em direção à Ponta Grossa. Foram aproximadamente 1 hora e 30 minutos até o PEVV: Parque Estadual de Vila Velha.

O PEVV fica 20 km antes de chegar na cidade de Ponta Grossa, vindo de Curitiba. Então decidimos já parar e conhecer o parque antes mesmo de chegar na cidade.

Sobre a estrutura do local: lá existe estacionamento gratuito, sanitários e uma lanchonete.

Entrada do PEVV. Foto: Viaje Casal.

Dentro do PEVV existe 3 atrações: Furnas, Lagoa Dourada e Arenitos.

Todas as atrações são acompanhadas por guias turísticos.

Preços por pessoa:

R$ 8,00 (Furnas + Lagoa Dourada)
R$ 10,00 (Arenitos)

Taxa do guia: 10 reais por pessoa. Válido para todas as atrações.

Assim que chegamos compramos nossos ingressos para as atrações, fomos almoçar na lanchonete e ficamos aguardando até o horário que a próxima turma seria chamada para iniciar a visitação.

Começamos primeiro pelas Furnas + Lagoa Dourada. Para chegar até os dois locais, fomos em ônibus de turismo do próprio parque e a guia iniciou as explicações. O passeio durou no total 1 hora e 30 minutos.

As furnas são bonitas (a segunda furna é mais bonita que a primeira e conseguimos ver bem a água verde esmeralda no fundo). A Lagoa Dourada não estava tão dourada hehe, pois havia chovido muito dias antes.

gptempdownload-17
Lagoa Dourada. Foto: Viaje Casal
img_9602
Lagoa Dourada. Foto: Viaje Casal.
img_9624
1ª Furnas. Não tão bonita como a 2ª. Foto: Viaje Casal
2ª Furnas. Bem mais bonita. Foto: Viaje Casal.
2ª Furnas. Bem mais bonita. Foto: Viaje Casal.
2ª Furnas. Bem mais bonita. Foto: Viaje Casal.

Voltamos para a base do parque e aguardamos mais alguns minutos para pegar o próximo ônibus até os Arenitos. Esse passeio também durou 1 hora e 30 minutos aproximadamente e foi fantástico!

O contraste do céu azul com os Arenitos é de tirar o fôlego. A paisagem é realmente muito bonita!

Arenitos – Taça (o arenito mais famoso). Foto: Viaje Casal.
Arenitos – Taça (o Arenito mais famoso). Foto: Viaje Casal.
Caminhando entre os Arenitos Foto: Viaje Casal.
Caminhando entre os Arenitos Foto: Viaje Casal.
Arenitos. Foto: Viaje Casal.

JANTAR

Jantamos no Madero que fica no Shopping Palladium Ponta Grossa.

Já conhecíamos o Madero de São Paulo e de Miami. Em Ponta Grossa os pratos estavam deliciosamente iguais as outras unidades. Aprovadíssimo e uma ótima opção na cidade, já que não existem muitas opções de restaurantes.

L’entrecôte do Chef com batatas fritas. Foto: Viaje Casal.
Picanha Super Premium. Foto: Viaje Casal.
img_9745
Petit Gâteau de doce de leite com calda de frutas vermelhas. O MELHOR! Foto: Viaje Casal.

DIA 2

Deixamos o segundo dia para conhecer o máximo de cachoeiras possíveis. hehe

Não deu tempo de conhecer TODAS que gostaríamos, mas fomos nas que mais queríamos conhecer e foi lindo!

Abaixo preparei um mapa com as principais cachoeiras da região:

E abaixo o roteiro que escolhemos:

Buraco do Padre. 

Nossa primeira parada. O Buraco do Padre (cartão postal da região) fica à 26km (40 min) do centro de Ponta Grossa.

O nome do local é devido aos Padres Jesuítas que meditavam dentro dessa furna que em seu interior existe uma cascata LINDA de 30 metros de altura. Como se fosse uma espécie de anfiteatro subterrâneo.

A entrada custa 16 reais por pessoa. Existe estacionamento e sanitários no local antes do inicio da trilha.

Entrada. Foto: Viaje Casal.
Foto: Viaje Casal.

A trilha é super fácil, muito bem sinalizada e com percurso de aproximadamente 1km.

Foto: Viaje Casal.
Além da trilha até o Buraco do Padre, existe essa trilha até o topo da cachoeira. Foto: Viaje Casal.
Trilha até o Buraco do Padre super tranquila. Foto: Viaje Casal.

SURPREENDENTE é a palavra que define esse lugar! Se você for para Ponta Grossa NÃO DEIXE DE IR NESSE LUGAR FANTÁSTICO! Sério mesmo!

As fotos não chegam nem perto da real beleza desse lugar!

Buraco do Padre. Foto: Viaje Casal.
Buraco do Padre. Foto: Viaje Casal.
Buraco do Padre. Foto: Viaje Casal.

 

 

Cachoeira da Mariquinha

A Cachoeira da Mariquinha fica à 35km (55 min) do centro de Ponta Grossa e à 18km (38min) do Buraco do Padre.

Seguimos do Buraco do Padre para a Cachoeira da Mariquinha, fazendo apenas uma parada na Adega Porto Brazos (foi indicação de uma guia de turismo que conhecemos na cidade). A adega é conhecida por seus produtos feitos com base de amora. O local é lindo e vale a pena conhecer! Além da loja existe um restaurante que serve paella, massas, foundue, docinhos e as bebidas com base de amora (chop de amora, vinho de amora, milkshake de amora….).

Compramos geleias e vinhos de amora e pudemos degustar alguns produtos no local. Não almoçamos no restaurante pois passamos por lá ainda de manhã. Mas se fosse mais tarde almoçaríamos lá com certeza.

Bom, voltando para a Cachoeira da Mariquinha, a entrada custou 10 reais por pessoa e também possui estacionamento no local.

A trilha é super tranquila e com trajeto de aproximadamente 1km.

Que cachoeira linda!!!!!!!! São 30 metros de altura e de quebra uma “prainha” para curtir a piscina que se forma na base do paredão.

Cachoeira da Mariquinha. Foto: Viaje Casal.
Cachoeira da Mariquinha. Foto: Viaje Casal.

Parque Estadual do Guartelá

Saímos da Cachoeira da Mariquinha em direção à cidade de Tibagi, onde fica localizado o Parque Estadual do Guartelá (1h e 30min de Ponta Grossa).

Logo na entrada do parque existe uma lanchonete e aproveitamos para comer um lanche já que não tínhamos almoçado ainda.

Lanchonete na entrada do Parque Guartelá. Foto: Viaje Casal.

O local também possui estacionamento e optamos por fazer a Trilha Básica (entrada gratuita na época que fomos – nov/2017 e não tinha necessidade de acompanhamento de guia de turismo).

Trilha Básica: (Panelões, Cachoeira da Ponte de Pedra e Mirante para o Canyon Guartelá).

Trilha super fácil, tranquila e bem sinalizada. Das 3 paradas acima, não pudemos conhecer apenas Cachoeira da Ponte de Pedra pois estava fechada devido às fortes chuvas na região dias atrás.

Trilha até os Panelões: 400m

Trilha até o Mirante para o Canyon Guartelá, um dos maiores do mundo: 900m

Existe também a Trilha Completa porém era necessário acompanhamento de Guia de turismo e agendar com antecedência (arenitos do Gavião,  pinturas rupestres e portal de pedra) Mais informações: http://tibagiturismo.com.br/canyon-guartela/

Trilha super tranquila. Foto: Viaje Casal.
E bem sinalizada.  Foto: Viaje Casal.
Panelões.  Foto: Viaje Casal.
Panelões.  Foto: Viaje Casal.
Canyon Guartelá.  Foto: Viaje Casal.
Canyon Guartelá.  Foto: Viaje Casal.

Saímos do parque Guartelá em Tibagi no final da tarde e voltando para o hotel em Ponta Grossa (1h e 30min).

Jantar

Jantamos no restaurante La Gondola. Lá existe um buffet de massas e saladas e você pode se servir a vontade pagando um valor fixo por pessoa. O total da nossa conta com bebidas ficou 96 reais / casal.

 

CURITIBA

Após esses 2 dias incríveis de muita natureza em Ponta Grossa, voltamos para Curitiba (estávamos com um carro que alugamos na Localiza do aeroporto de Curitiba logo quando chegamos).

Passamos mais 2 dias em Curitiba e se você quiser saber sobre nosso roteiro por lá, acesse: Curitiba – Roteiro de 2 dias.

img_0575
Jardim Botânico. Foto: Viaje Casal

 

RESUMÃO DO V.C.

Passagem: Latam SP – Curitiba (preço mais alto por ser feriado): R$569,23 por pessoa

Hospedagem: Hotel Planalto: 2 diárias 507,94 / casal

Aluguel Carro: Localiza 4 diárias: 399,62 (utilizamos 2 dias em Curitiba)

Passeios:

PEVV (Parque Estadual de Vila Velha): 28 reais / pessoa

Buraco do Padre: 16 reais / pessoa

Cachoeira da Mariquinha: 10 reais / pessoa

Parque Estadual do Guartelá: Trilha básica gratuita.

Total passeios: 108 reais / casal

Alimentação dia 1:

Almoço: lanche na lanchonete do PEVV: 29 reais / casal

Madero Shopping: 223 reais / casal

Alimentação dia 2:

Almoço na lanchonete Parada Guartelá: 35 reais / casal

La Gondola: 96 reais / casal

Total alimentação: 383,00 / casal

TOTAL PARA 1 (um) CASAL: R$ 2537,02 / casal

One comment

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *