Roteiro de 4 dias em Santiago do Chile

Embarcamos para Santiago do aeroporto de Guarulhos, em São Paulo.

Acompanhe nossas viagens em tempo real através do nosso Instagram: @viajecasal

Viajamos de LAN (atual LATAM) e adoramos! O vôo teve duração de 3 horas e meia e no geral foi bem tranquilo. Apenas houve um pouco de turbulência ao passar pela Cordilheira dos Andes, o que é super comum na região. A paisagem é tão linda lá de cima, que eu nem tive tempo de ficar com medo da turbulência, juro! Estava mais preocupada em tirar foto dessa vista maravilhosa hehe. Muita gente nos pergunta em qual lado é melhor sentar no avião para conseguir ver a Cordilheira, sentamos do lado esquerdo na ida e tivemos essa vista:

 

IMG_1925
Vista do avião

Chegando em Santiago por volta do meio dia e pegamos um transfer até o hostel. Fechamos o transfer antes por whatsapp, com a queridíssima Dani, uma brasileira que mora no Chile e é dona da empresa Viaja Brasil Turismo, uma agência de passeios e transfer em Santiago. Fizemos nossos passeios com ela e SUPER indicamos! No final do post possui o contato dela e os preços do transfer e passeios.

Do aeroporto Arturo Merino Benitez em Santiago até o nosso hostel são 30km.

O hostel que ficamos se chama H Rado Boutique e foi uma ótima escolha! Esse hostel fica no bairro de Providencia, do lado do Pátio BellaVista (do lado mesmo, divide parede com Pátio). Localização top, à poucos metros da estação de metrô Baquedano e do Cerro San Cristóbal. Optamos por um quarto de casal com banheiro privativo e com sacada (a única coisa que incomodou um pouco foi o barulho da rua pois o hostel fica em uma rua cheia de bares, restaurantes e de frente para a Universidade San Sebastian). As instalações do hostel são perfeitas, decoração moderna, café da manha gostoso e um terraço no último andar com sofás, mesas, churrasqueira e com linda vista para a cordilheira, Cerro San Cristobal e Pátio Bella Vista (a gente ia todo dia no terraço passar frio só pra admirar a vista hehe).

IMG_2483
Churrasqueira do terraço

DIA 1: COMPRAR PESO NA RUA AGUSTINAS, PÁTIO BELLAVISTA E CERRO SAN CRISTÓBAL.

Chegamos no hostel por volta das 13hrs, deixamos nossas malas lá e fomos caminhando até a Rua Agustinas (2km – 30 minutos andando), essa rua possui várias casas de câmbio com o câmbio BEM melhor do que no aeroporto ou no Pátio Bellavista.

Acabamos trocando quase todos os nossos reais na primeira casa de câmbio que paramos, mas era melhor ter andado mais e comparado os preços. A gente estava com fome e bem casados de andar hehe, então bateu aquela preguiça. Mas antes de trocar o peso, negociamos e conseguimos uma melhor cotação do que estavam pedindo. Fomos em Abril de 2016 e ficou 174 pesos para cada 1 real.

IMG_1931
Casa de câmbio JM

Depois de trocar os pesos, voltamos para o hostel, guardamos nossas malas e fomos almoçar no Pátio Bellavista (literalmente do lado do hostel).

O Pátio BellaVista é uma praça de alimentação ao ar livre. Lá você pode encontrar restaurantes de diferentes tipos e preços e também lojinhas para comprar lembrancinhas. A gente ia lá quase todos os dias hehe

patio-bellavista
Pátio BellaVista à noite
bellavista-santiago-013
Pátio BellaVista de dia

Almoçamos no restaurante Montana Steakhouse e Bar dentro do Pátio BellaVista. Optamos pelo cardápio promocional (válido até as 16hrs), onde estava incluso um prato principal, refrigerante e sobremesa por 6.900 pesos por pessoa. A comida estava boa, porém não gostamos do atendimento e da sobremesa.

Massa com cogumelos e frango. Foto: Viaje Casal

Depois do almoço, descansamos um pouco no hostel e por volta das 17:30 partimos até o Cerro San Cristóbal (500 metros) para ver o famoso pôr-do-sol lá de cima.

Optamos por subir e descer o Cerro de bondinho (funicular), e pagamos 2.000 pesos pelo ticket ida e volta por pessoa.

A vista de lá de cima é realmente linda, e no pôr-do-sol fica mais bonito ainda!

IMG_1943
A compra dos tickets do bondinho (funicular) é dentro desse “castelinho”
Cerro San Cristobal – Foto: Viaje Casal
Cerro San Cristobal – Foto: Viaje Casal
Cerro San Cristobal – Foto: Viaje Casal

A noite jantamos no Tinos Bar, o nosso barzinho preferido em Santiago, fica na rua do hostel. Lá tem lanches, porções e drinks. Os lanches e o atendimento foram tão bons que fomos mais 2 vezes lá em outros dias hehe SUPER INDICAMOS! Gastamos mais ou menos 35.000 pesos.

Tinos Bar – Foto: Viaje Casal

DIA 2: VALLE NEVADO E SKY COSTANERA

Mesmo com pouquíssimas chances de ter neve (pois fomos em abril/16), fomos até o Valle Nevado com a empresa Viaja Brasil. A gente sabia que poderia não ter neve, mas como nunca tínhamos visto neve na vida, arriscamos.

A equipe da Dani (Viaja Brasil) nos buscou no hostel por volta das 8 da manhã e seguimos viagem até o tão famoso Valle Nevado. Do centro de Santiago até o Valle Nevado foram mais ou menos 2 horas.

Depois de aproximadamente 60 curvas fechadas (FECHADÍSSIMAS mesmo), chegamos na base da montanha. Então, dica 1: não coma muito no café da manhã, dica 2: se você costuma enjoar em estrada se prepare, e dica 3: vá com empresas especializadas, pois precisa ter muito cuidado na subida e nas curvas.

Chegando no Valle Nevado, o motorista fofíssimo da van (Chris) foi fazer um pequeno trekking e decidimos segui-lo. A altitude é de 3.2oo metros, o que nos cansava muito facilmente na subida, ainda mais nós dois que nunca tínhamos feito trekking na vida haha

Mas valeu MUITO a pena. Mesmo com pouquíssima neve, estar ali, na Cordilheira do Andes, com essa paisagem de tirar o fôlego (literalmente) foi demais!

Valle Nevado. Foto: Viaje Casal
Valle Nevado. Foto: Viaje Casal
Valle Nevado. Foto: Viaje Casal

Almoçamos no restaurante  La Fourchette (lá mesmo no Valle Nevado), eu (Ciça) pedi um peixe com camarões e purê de batata com ervas delicioso e o Vi pediu um lanche com carne e batata frita mesmo. ¬¬ Eu sempre experimento as comidas locais, mas ele não arrisca nunca haha (28.000 pesos os dois pratos e sem bebida)

Valle Nevado. Foto: Viaje Casal
Valle Nevado. Foto: Viaje Casal

Saímos do Valle Nevado por volta das 15hrs, chegamos às 17hrs no hostel, só trocamos de roupa e fomos até o Sky Costanera. Pegamos o metrô na estação Baquedano (perto do Hostel) até a estação Tobalaba. Chegando no Shopping Costanera Center e compramos nossos tickets para subir até o Sky Costanera (5mil pesos por pessoa).

O Sky Costanera fica no 62º andar do shopping Costanera Center (300 metros de altura) e é o maior prédio da América Latina.

DCIM100GOPROG0199972.

DCIM101GOPROG0200035.

IMG_2205

Nesse dia jantamos cachorro quente tradicional (com palta = abacate) na barraquinha de lanches de frente para o Hostel. Eu adorei!!! O Vi comeu o mesmo lanche com carne de sempre. (2mil pesos cada lanche)

DIA 3: VINICOLA CONCHA Y TORO E MUSEU DE DIREITOS HUMANOS

A equipe da Viaja Brasil nos buscou no hostel por volta das 10 da manhã e seguimos até a vinícola Concha y Toro. Chegando lá, fizemos o tour pela vinícola com um guia brasileiro, onde pudemos andar pela belíssima plantação de uva e experimentar as diferentes uvas a vontade, visitamos também adegas antigas e assistimos uma breve animação (em português) que conta a história do vinho Casillero del Diablo,  por fim ganhamos uma taça e podíamos degustar 3 tipos de vinho.

Vinícola Concha y Toro. Foto: Viaje Casal
Vinícola Concha y Toro. Foto: Viaje Casal
Vinícola Concha y Toro. Foto: Viaje Casal

Saindo da vinícola, paramos na estrada com a equipe Viaja Brasil para almoçar as famosas empanadas chilenas, o sabor tradicional é de carne com cebola, porém também tem de presunto e queijo. (3.500 pesos 4 empanadas).

No caminho de volta para o hostel, pedimos para o motorista da van nos deixar próximo do Cerro Santa Lucia. Decidimos não subir o Cerro e pegamos um metro na estação Belas Artes até a estação Quinta Normal para conhecer o Museu de Direitos Humanos. A entrada é gratuita, possui uma chapelaria para guardar suas coisas e é proibido tirar fotos dentro do museu.

A arquitetura do museu é realmente muito bonita. Visitamos todos os ambientes do museu por aproximadamente 2 horas e pudemos conhecer a triste trajetória de toda a ditadura Chilena (de 1973 até 1990) e conhecer o que as pessoas viveram nesse período. Lá possui muitas fotos das pessoas que morreram nesse período, documentos, desenhos, vídeos, áudios e objetos da época.

museu direitos humanos

Por fim, jantamos no famoso restaurante Ocean PacificsFamoso por ter uma decoração que mais parece estarmos dentro de um barco antigo de piratas hehe

Eu escolhi um prato de ceviche e o Vi escolheu salmão grelhado com batatas e arroz. No total gastamos 29.500 pesos, e valeu muito a pena. (obs: fomos até esse restaurante de metro, porém voltamos de Uber e deu super certo)

Ocean Pacific. Foto: Viaje Casal
Ocean Pacific. Foto: Viaje Casal
Ocean Pacific. Foto: Viaje Casal

DIA 4: CAJON DEL MAIPO – EMBALSE EL YESO E BAÑOS COLINAS

Sem dúvida, fechamos nossa experiência em Santiago com chave de ouro!

O melhor passeio e com certeza um passeio IMPERDÍVEL pra quem está planejando ir à Santiago!

A equipe da Viaja Brasil nos buscou no hostel por volta das 8 da manhã. Seguimos viagem até a cidade de San José del Maipo, onde fizemos uma parada em uma lanchonete simples para comprar lanches e água, pois a partir daquela parada não teríamos um local para almoçar.

Compramos 4 lanches de salame com queijo (comemos 1 lancha cada) e levamos os outros 2 lanches para comer mais tarde. Compramos também água para levar e café para beber na hora (o café de lá é bem aguado, mais parece um “cháfé” hehe).

Depois dessa parada, seguimos viagem até Embalse el Yeso. A estrada é linda demais e um pouco perigosa pois em vários trechos a estrada fica bem estreita, então aconselhamos ir com uma empresa especializada!

Embalse el Yeso é uma represa com águas na cor turquesa que foi construída em 1964 e está localizada na Cordilheira dos Andes à aproximadamente 3.000 metros de altitude. Essa represa recebe águas do rio Yeso e abastece a região metropolitana de Santiago e arredores.

Chegando lá, ficamos paralisados (literalmente)! De frio hehe (pois venta muito lá) e também impressionados com a cor da água e a beleza desse lugar!

DCIM101GOPROG0340415.viaje casal

Depois de curtir e admirar a paisagem e também degustar o lanchinho que a Viaja Brasil preparou para a gente (queijos, salame, sucos e vinho), seguimos viagem em direção à Baños Colinas.

Baños Colinas também fica localizada na Cordilheira dos Andes e é composta por 8 piscinas naturais ao ar livre que são aquecidas pelo vulcão San José. As temperaturas das piscinas chegam até à 50ºC e a cor da água é LINDA! Lá possui banheiros para colocar roupa de banho e tomar banho depois. A equipe Viaja Brasil nos forneceu roupões que salvaram na hora de encarar o frio para sair das piscinas quentinhas hehe

DCIM101GOPROG0400744.

DCIM101GOPROG0480957.

DCIM101GOPROG0420784.

Ficamos curtindo as piscinas e admirando a vista de tirar o fôlego por umas 2 horas. Ah…e lembram daqueles lanchinhos que compramos lá na cidade de San José? Devoramos eles depois de sair das piscinas! haha

Depois desse dia lindoooooo e longo, voltamos para o hostel e decidimos jantar no Tinos Bar (35mil pesos o casal) e curtimos nossa última noite em Santiago antes de iniciar nossa RoadTrip até a região dos lagos no sul do Chile.

(Tudo sobre a nossa RoadTrip até o sul do Chile – clique aqui)

 

RESUMÃO DO V.C.

  • Onde? Santiago – Chile
  • Quando? Abril/2016
  • Agência Viaja Brasil (passeios e transfer):
    • Facebook : Viaja Brasil
    • Whatsapp da Dani, brasileira dona da agência: +56 96632-3355
  • Passeios:
    • Patio Bella Vista
    • Cerro San Cristobal: $6,17 dólares/casal
    • Valle Nevado: $55,61 dólares/casal
    • Sky Costanera: $15,44 dólares/casal
    • Vinícola Concha y Toro: $69,52 dólares/casal
    • Museu de Direitos Humanos: Entrada Gratuita
    • Embalse el Yeso + Baños Colinas: $125,13 dólares/casal
  • Alimentação:
    • Dia 1:
      • Almoço: Montana Steakhouse e Bar ($21,43 dólares/casal)
      • Janta: Tinos Bar ($52,07 dólares/casal)
    • Dia 2:
      • Almoço: La Fourchette dentro do Valle Nevado ($43,25 dólares/casal)
      • Janta: Cachorro quente com palta (abacate) e lanche com carne em barraca de rua ($7,72 dólares/casal)
    • Dia 3:
      • Almoço: Empanadas Chilenas ($5,40 dólares/casal 4 empanadas)
      • Janta: Ocean Pacifics ($45,57 dólares/casal)
    • Dia 4:
      • Almoço: Lanchonete em San José del Maipo ($16,99 dólares/casal)
      • Janta Tinos Bar ($54,07 dólares/casal)
  • Gastos:
    • Hospedagem: $315,60 dólares/casal (4 diáras)
    • Alimentação: $248,42 dólares/casal
    • Passeios: $271,90 dólares/casal
    • Total para 1 casal: $835,92 dólares/casal
      • Valor do Peso chileno em relação ao Real à época: 174
      • Valor do Dólar americano em relação ao Real à época: 3,72

 

FIQUE CONECTADO FORA DO PAÍS!!!!

Se as nossas dicas te ajudaram de alguma forma, nos ajude a continuar mantendo o blog atualizado adquirindo seu chip pelo link abaixo.

VOCÊ NÃO PAGA NADA A MAIS POR ISSO! E nós recebemos uma pequena comissão que utilizamos para manter os custos do site =)

  • Chip de celular no exterior: Nós utilizamos em todas as viagens internacionais e sério…ajuda muitooo! Antes mesmo de ser nossos parceiros, a gente comprava o chip e sempre funcionou super bem! Recebemos o chip pelos correios em casa e já colocamos o chip no celular dentro do avião. Assim que chegamos o chip já está funcionando! Ele funciona em mais de 140 países! Para ver os preços e adquirir o chip basta acessar o link: EasySim4u

 

2 comments

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *